30 de abril de 2012

Desafio Diferente #2

Oi Gente!!!

Como hoje é emenda de feriado e aqui em São Paulo está uma chuva sem fim, resolvi trazer mais um desafio diferente para descontrair.

Os primeiro a responder corretamente ganhará um brinde surpresa.
Depois entre todos os que tiverem respondido corretamente sortearei mais dois ganhadores.


Prestem bem atenção no enunciado.

Após descobrir a resposta preencha o formulário com seus dados.
O resultado será divulgado 03/05 então aproveite!!




Boa Sorte!!!



29 de abril de 2012

@mor - Daniel Glattauer - Suma




Se você já encontrou a pessoa perfeita, por que se arriscar a conhecê-la?

(...)
Assunto: Cancelamento
Prezados senhores e senhoras da Editora Like.
Caso o fato de os senhores ignorarem insistentemente minha tentativa de cancelar uma assinatura tiver como objetivo não deixar cair o volume de vendas de seu produto, que está em lamentável e constante decadência, infelizmente devo lhes comunicar: eu não vou mais pagar!
Cordialmente
E. Rothner

Oito minutos depois
Fw:
A senhora se enganou. Este é um e-mail particular. Meu endereço eletrônico é woerter@leike.com. A senhora certamente queria escrever para woerter@like.com. A senhora já é a terceira que me pede cancelamento. A revista deve ter ficado muito ruim.
Leo Leike

Cinco minutos depois
Re:
Oh, me desculpe! E obrigada pelo esclarecimento.
Saudações
E.R.

Nove meses depois
Sem Assunto
Feliz Natal e Próspero Ano Novo.
É o que deseja
Emmi Rothner

Dois minutos depois
Fw:
Cara Emmi Rothner
Nós mal nos conhecemos ou não nos conhecemos absolutamente.
Contudo agradeço pelo seu afetuoso e muitíssimo original e-mail coletivo.
É preciso que a senhora saiba: eu amo e-mails coletivos, enviados a um coletivo ao qual eu não pertenço.
Sds, Leo Leike

Eu não costumo colocar parte do livro na resenha, mas dessa vez não resisti.
Por um erro de digitação ou por uma obra do destino, nunca saberemos ao certo. Mas foi assim. Exatamente assim, que a história de Emmi e Leo teve início.

Após esses equívocos e respostas sarcásticas de ambos os lados, os dois passam a trocar e-mails diariamente.
E-mails que falam sobre tudo e sobre nada. Que falam do tempo, dos sentimentos, das emoções, mas nunca no âmbito real.
Aos poucos eles vão se conhecendo, se descobrindo e criam uma bolha perfeita para onde fogem do imperfeito mundo real.

Dentro da bolha, o mundo real não importa. Nem mesmo o fato de Emmi ser casada e de Leo estar saindo de um complicado relacionamento de muitos anos.
Ali, na bolha, tudo é perfeito. Emmi e Leo são amigos. Trocam experiências e informações.
Aos poucos algo mais forte e poderoso nasce entre eles. Porem como saber se esse sentimento é verdadeiro, real ou uma ilusão criada pela bolha perfeita?

Eles ainda não se permitiram sair da bolha. Eles não possuem nem mesmo um rosto real. Uma foto. Nada. Apenas aquela imagem criada através das palavras escritas. E não uma descrição física de como seriam, nem isso eles se permitiram. A imagem sobre o outro, parte apenas da forma como escrevem, sobre o que escrevem, como escrevem. E eles são perfeitos um para o outro.
A vontade de se encontrarem no mundo real é tão intensa quanto o medo de ver a magia não resistir fora da bolha.
Mas não é mais possível viver assim. A bolha não consegue mais aguentar tanta informação, carinho e desejo. Ela está prestes a explodir.

@mor de Daniel Glattauer é um livro novo sobre um assunto velho.
O foco principal são as emoções humanas. O nosso hábito de criarmos personagens perfeitos baseado em poucas informações.
O livro é composto única e exclusivamente pela troca de e-mails entre Emmi e Leo.
Não existe um narrador. As lacunas deixadas pelos e-mails são completadas pela nossa imaginação. Mas ainda assim Daniel conseguiu criar personagens muito complexos, quase reais. O livro é inteligente, emotivo e sarcástico.

A leitura é extremamente rápida. Li em apenas uma tarde. Pois uma vez iniciado é difícil parar. Você quer saber qual será a resposta para aquele e-mail, e depois, a resposta da resposta. Enfim viciante.
É angustiante perceber o quanto eles vão se tornando necessário um ao outro. Como se o dia no mundo real só pudesse começar se eles se falassem primeiro na bolha.
Eles brigam, riem, choram, e tem crises de ciúmes um do outro. É como se houvessem se tornado marionetes de suas próprias histórias.

Ambos sabem que esse relacionamento é loucura, mas como um viciado em busca de drogas, eles buscam e-mails em sua caixa de entrada.
Quase no final a história sofre uma pequena mudança no padrão e eu sofri com isso, mas não tanto quanto sofri no final.
Não posso, ou melhor, não vou contar o que acontece, apenas dizer que quero muito o próximo livro “A cada sete ondas” (tradução literal do título), com previsão de lançamento em inglês para agosto. Oh!! só nos resta esperar.



26 de abril de 2012

IAN DAY

Os fãs de IAN não podem ficar de fora desse super evento.



    São Paulo: https://www.facebook.com/events/117150948417469/
    Rio de Janeiro: https://www.facebook.com/events/252490328180678/
    Belém: https://www.facebook.com/events/334020126664087/
    BH: https://www.facebook.com/events/417386768290173/
    Brasília: https://www.facebook.com/events/377964182226002/
    Fortaleza: https://www.facebook.com/events/286698414740510/
    Recife: https://www.facebook.com/events/286049208147127/
    Rio Grande do Sul: https://www.facebook.com/events/138729242923940/

Visite a página do evento referente a sua cidade e tenha mais informações sobre esse evento que será insesquecivel!!

25 de abril de 2012

Blogosfera Anti-Plágio




Então é assim: você pega aquele seu livro bacana da estante. Abre, começa a ler. Presta atenção em todos os detalhes, cola post-its, faz anotações. Pensa em como aquela frase vai fazer o maior efeito na sua resenha. "Poxa, acho que os leitores vão gostar disso". Às vezes, você embarca na história. De outras, deixa até mesmo o seu prazer de lado para pensar em como vai apresentar sua opinião aos leitores do seu blog. Aí você, incauto blogueiro, termina a leitura. Pega seu livro, seu caderninho de anotações, seu arquivo com notas, o que seja; e vai para a frente do computador. Passa umas boas duas horas pensando em como irá traduzir em palavras o que sentiu durante a leitura. Se não usa a sinopse oficial do livro, gasta mais duas horas escrevendo uma sinopse personalizada, tomando aquele cuidado especial para não colocar nenhum spoiler.

Então vem a fase de revisão. Você lê, relê. Muda frases de lugar, ajusta conceitos. Reformula ideias. Talvez apague tudo e recomece. Afinal, você é um blogueiro responsável. Quer que seu texto saia o melhor possível, que os leitores puxem lencinhos e se emocionem com você, ou que leiam e riam porque você também riu lendo aquele livro. E você procura imagens. Capas de várias edições pelo mundo. Imagens em gif que traduzam seu surto ao ler aquela história. Trilhas sonoras que acompanharam sua leitura. Imagens que ilustrem o quanto você foi afetado pelo que o autor te contou naquelas páginas.


Quem sabe você não seja tão perfeccionista e só escreva seu texto, tomando o cuidado de ver se não tem nenhum errinho. Tudo bem. Deu trabalho do mesmo jeito escrever as coisas da melhor maneira que você sabia. Tudo isso te custou tempo. Aquele espaço entre seus dois empregos. Suas horas de folga que podiam ser empregadas em outras formas de lazer. Minutos e mais minutos madrugada adentro, em que você poderia estar dormindo. O drama pode parecer exagerado, mas muitos blogueiros deixam o lazer e o sono de lado pra manter o blog! Mas você ama ler. E ama seu blog. Ama escrever e ama o que faz  e é por isso que você está ali, persistente. Criando seu próprio conteúdo. ...Tudo isso para vir um babaca chupinhador e roubar seu trabalho suado de horas em alguns poucos segundos, postando aquilo que você deu o sangue pra criar como se fosse dele. SEM CRÉDITOS. Enganando a todos: aos leitores, que nem sempre sabem do que o kibador é capaz; às editoras e autores que inadvertidamente fecham parcerias com tais blogs... e a ele(a) mesmo(a), que anda por aí achando que ninguém percebe a grande e robusta mentira que é.




PLÁGIO É CRIME. É ANTIÉTICO. RESPEITE O TRABALHO DE QUEM CRIOU O CONTEÚDO. QUER MANTER UM BLOG? ESCREVA VOCÊ MESMO! (Ou fique na sua, que é melhor pra todo mundo. E mais respeitoso também.)
Esse post é parte de uma postagem coletiva contra o plágio na blogosfera. Acesse o site "Blogosfera Anti-Plágio", saiba mais sobre o assunto e veja quem mais apoia essa causa.

23 de abril de 2012

Resultado Promoção Garota Replay e Desafio Diferente

Olá amigos!!!

Hoje é dia de conhecer os ganhadores do Desafio Diferente e da promoção Garota Replay.

Vamos primeiro ao sorteio do livro Garota Replay, foram 1.322 números válidos...


Parabéns Aline!!!

O contato será feito via e-mail. Você tem três dias para responder ou novo sorteio será realizado.

Agora vamos conhecer os 5 primeiros que responderam corretamente o desafio...

Nauane Dias (Nanie)
Sora Seishin
Magda Montes
Yago Rodrigues Dalben
Joslaine Duarte Pinheiro

Parabéns a todos vocês!!!

Segue uma das possíveis soluções:

(1 + 1 + 1)! = 6
2 + 2 + 2 = 6
(3 x 3) – 3 = 6
4 + 4 – √4 = 6
(5 ÷ 5) + 5 = 6
6 + 6 – 6 = 6
7 – (7 ÷7) = 6
³√8 + ³√8 + ³√8 = 6
(9 + 9) ÷ √9 = 6

PS: o sinal de exclamação significa Fatorial, ou seja, 1+1+1=3, fatorial de 3 = 3x2x1=6
Espero que todos tenham gostado da brincadeira. Em breve novos desafios para vocês.


19 de abril de 2012

Top Comentarista Março - Desafio Diferente

Oi Pessoal!!!!

Tinha certeza que já havia feito o sorteio do Top Comentarista do mês de Março. De repente percebi que não. Devo estar ficando maluca de vez... Mas tudo bem. Isso será solucionado agora.
Segue a lista dos amigos que mais comentaram por aqui em março:

1- Sora
2- Nanie
3- Yago
4- Mônica Carneiro
5- Luciane Pinheiro
6- Bia Carvalho
7- Nanda
8- Débora Lauton
9- Raquel Machado
10- Lu Appromances
11- Carla

Vamos ao sorteio...

Parabéns Débora!!!!

Quero agradecer a todos, afinal são vocês que fazem o blog acontecer!!

Desafio

Todos sabem que é muito difícil eu fazer um post que não esteja relacionada a livros. Mas hoje queria propor algo diferente. Adoro testes de inteligência e jogos matemáticos. Encontrei esse e ADOREI!!
Que tal participar e além de quebrar a cuca ganhar um brinde surpresa?
Os cinco primeiros a responderem corretamente receberão um mimo surpresa.

O esquema é: eu dou três números e um resultado, e você faz as operações matemáticas que quiser, de tal forma que o resultado seja o que lhe dei.
Quer um exemplo?
2  2  2 = 6
2 + 2 + 2 = 6
Deu para entender??

Então vamos ao desafio:

1   1  1 = 6
2  2  2 = 6
3  3  3 = 6
4  4  4 = 6
5  5  5 = 6
6  6  6 = 6
7  7  7 = 6
8  8  8 = 6
9  9  9 = 6

Vamos!! não desista! Quebre um pouco a cuca, é divertido.
Após conseguir os resultados, preencha o formulário abaixo.
O resultado será divulgado na segunda-feira (23/04).



Boa Sorte!!!!

18 de abril de 2012

Jogada Mortal - Harlan Coben



Valerie Simpson é a grande sensação do tênis. Aos 16 anos já é finalista do Aberto de Tênis da França e encanta a todos com seu jogo.
De repente o brilho começou a desvanecer. Valerie já não jogava tão bem. A pressão do treinador e dos patrocinadores somado a perseguição da mídia estavam levando a garota ao limite.
Então seu namorado, Alexandre Cross, filho de um senador influente, é assassinado e Valerie sofre um colapso nervoso, necessitando de internação hospitalar. A brilhante carreira havia chegado ao fim.

Seis anos depois um novo fenômeno brilha na quadra de tênis. Duane Rickwood está participando do seu primeiro Grand Slam, desbancando favoritos e sendo cotado como provável vencedor do Aberto de Tênis dos EUA.
Myron Bolitar, ex-jogador de basquete, ex-agente do governo é agente de Duane. Sempre buscando os melhores patrocinadores.

Apesar de ninguém acreditar, Valerie se recupera e está disposta a tudo para voltar às quadras. Ela procura Bolitar para ser seu agente e ambos iniciam as negociações.
Mas novamente o destino parece brincar com Valerie. Algo acontece e ela busca desesperadamente conversar com Myron. Após insistentes ligações, Valerie vai até o Aberto de Tênis, onde sabe que Myron estará assistindo o jogo de Duane. Entretanto antes que pudesse encontra-lo, ela é brutalmente assassinada, e seu sonho de retornar as quadras chega ao fim.

Myron fica incomodado com o fato de Valerie ter sido morta justamente quando tentava encontrar com ele de forma tão urgente. As investigações policiais tornam o caso ainda mais estranho quando Duane, que estava jogando no momento do crime, passa a ser o principal suspeito.

Duane e Valerie são pessoas completamente diferentes. Enquanto Valerie vem de uma tradicional família e nasceu em berço de ouro. Duane viveu parte da sua vida nas ruas. A única coisa comum entre ambos é o tênis. Então o que poderia levar a policia a desconfiar de Duane?

Bolitar está disposto a tudo para entender o que aconteceu e descobrir a verdade. Quanto mais investiga, mais tem certeza de que tudo está ligado ao assassinato de Alexandre Cross. Mas não será nada fácil descobrir a verdade. Quando dinheiro e poder estão envolvidos, todos os acontecimentos parecem facilmente manipuláveis.
Enquanto separa o joio do trigo, Myron descobrirá muitos segredos, e os mistérios do passado poderão destruir muitas vidas no futuro.

Os que acompanham o blog sabem que sou fã de Harlan Coben, e ele nos brinda com mais um ótimo livro.
Sua escrita é fluida, seus capítulos ágeis e seus personagens muito bem construídos. Myron Bolitar é um personagem que está presente em vários livros do autor. Esse foi o primeiro que li sobre ele e confesso que esperava mais do personagem. Gostei, mas não amei.

Sobre o livro, a história é muito boa, intensa até. Alguns dos mistérios eu facilmente desvendei. Já outros apenas foram desvendados apenas no fim.
O que mais senti falta foi aquela revelação final que Coben sempre faz. Quem já leu seus livros sabe que quando tudo já foi explicado e o fim parece claro como água limpa, Coben faz uma ultima revelação. No ultimo paragrafo. Na ultima frase. E você só consegue pensar: Não acredito! Fica paralisada. De boca aberta. Sem ação.

Por isso mesmo posso dizer que o livro é muito bom, mas não o melhor do autor, que para mim continua sendo “Desaparecido para Sempre”.
Se você já conhece o autor, sabe que irá gostar. Se você ainda não conhece, nem imagina o que está perdendo. Coben é um autor que conquista e merece um lugar na sua estante.


16 de abril de 2012

Estilhaça-me - Tahereh Mafi



Os humanos abusaram da natureza o quanto podiam e agora estão pagando um alto preço por isso.
O Restabelecimento tinha muitas promessas. Todos teriam casa, saúde e comida. Todos acreditaram. Porém o que impera é a ditadura, o terror e a morte.
Foi nesse mundo que Juliette cresceu.
Juliette sempre soube que era diferente. Ela sempre tentou todo o possível para se ajustar ao mundo e as pessoas. Nunca conseguiu.

Há três anos Juliette matou. Acidentalmente. Mas matou.
Os pais aproveitaram a oportunidade para se livrarem dela. Juliette foi examinada, estudada, vasculhada e internada em um manicômio.
Ninguém sabe como lidar com ela. Há exatos 264 dias ela não vê ninguém. Não fala com ninguém. E principalmente não toca em ninguém.
Juliette só quer o que todo mundo quer. Um amigo. Um amor. Um toque de carinho. Juliette sabe que nunca terá isso.

As coisas começam a mudar quando Juliette ganha um companheiro de cela quarto.
Adam chega arrogante, autoritário e cheio de perguntas. Ele é lindo. Muito lindo. Lindo demais.
Quem é ele? Por que o colocaram com ela? Eles querem mata-la? Talvez morrer não seja assim tão ruim. Mas Juliette não quer morrer.
Um sentimento estranho perturba Juliette. Ela conhece Adam. Ela se lembra dele. Ela não quer se lembrar dele. Por que ele não se lembra dela? Não pode ser ele.

De repente Juliette está solta, mas não livre. Warner, um dos vilões generais do Restabelecimento, tem planos para ela.
Ele quer fazer de Juliette sua arma mais poderosa e mortal.
Entretanto Juliette não quer ser um monstro. Juliette tem seus próprios planos e com a ajuda do misterioso Adam ela descobrirá que:

- Tem um dom e não uma maldição:
- É sobre humana e não um monstro;
- Seu toque é poder e não apenas letal
- E que ela deve lutar contra eles e não ser a arma deles.

Essa é mais uma história onde o tema é a sociedade distópica.
O livro começa um pouco confuso-caótico-desconcertante. E não poderia ser diferente. Estamos dentro da cabeça de Juliette e ela trava uma imensa batalha contra si mesma.
Sou louca. Não sou louca. Sou um monstro. Não sou um monstro. Matei intencionalmente. Foi apenas um acidente. Juliette não sabe mais o que pensar.

Aos poucos as coisas vão se encaixando e a história vai criando forma.
A leitura é rápida e achei muito fácil imaginar tudo o que a autora descrevia.

Juliette é fácil de ser amada. Apesar de todo seu poder, ela sente-se fraca e insegura.
Isso muda com o decorrer da trama e é sempre muito bom acompanhar o desabrochar do personagem.
Adam é o famoso TDB (tudo de bom). O cara é forte, lindo, tem um coração imenso e está disposto a tudo.
Warner é o típico vilão, bonito e ordinário, como a maioria dos vilões. Entretanto algumas de suas ações me levaram a ter pena dele

Apesar dos protagonistas serem muito jovens isso não incomodou. Minha única critica até o momento é que quando as coisas realmente ficaram boas o livro acabou. E agora vou precisar ter muita paciência para esperar o próximo volume.

11 de abril de 2012

Resultado Promoção Para Sempre

Olá amigos do blog!!!!

Hora de conhecermos a sortuda que levará para casa o kit Para Sempre...


Parabéns Aline!!!

Um e-mail foi enviado solicitando seus dados.
Lembre que o prazo para responder ao e-mail é de 3 dias.

Obrigada a todos que participaram.



9 de abril de 2012

Um Coração Cheio de Estrelas - Alex Rovira e Francesc Miralles

"Chegará o dia em que, depois de dominarmos o espaço, os ventos, as marés e a gravidade, dominaremos as energias do amor. E, nesse dia, pela segunda vez na história do mundo, teremos descoberto o fogo"
Teilhard de Chardin


Uma fábula sobre o poder ilimitado do amor. Michel é um garoto órfão que nunca conheceu os pais. Ainda assim, ele é a criança mais feliz do orfanato em que vive. É que Michel tem um segredo: o sorriso de Erin, sua melhor amiga, por quem é apaixonado. Em uma noite fria, Erin dorme e não acorda mais. Os médicos não conseguem diagnosticar o que tomou conta da menina. Ela está em coma. Arrasado, Michel sai vagando pelas ruas procurando ajuda, até encontrar uma estranha e sábia velha que lhe diz o motivo da doença de sua amiga. “A dor que a pôs para dormir é a falta de amor, por ter sido abandonada.” Michel então deve encontrar nove tipos diferentes de amor entre as pessoas, cortar um pedaço em forma de estrelas de suas roupas. Ao final a velha irá tecer um enorme coração. Um livro emocionante, em que o leitor encontra, a cada momento uma surpresa ao descobrir também amor nos pequenos detalhes da vida.

Um livro puro e mágico que narra o poder incontestável do amor.
Somente a introdução já valeria a leitura do livro.
A escrita é leve e despretensiosa, mas o objetivo intenso e poderoso.
É impossível ficar indiferente a essa bela história.
Com certeza um livro que vale a pena ter na sua estante e na sua vida.

8 de abril de 2012

FELIZ PÁSCOA!!!!

O blog Mania de Ler deseja a todos uma FELIZ PÁSCOA!!!!!




 

6 de abril de 2012

Você sabe o que significa Páscoa?

A Páscoa está chegando e todos ficamos animados com a data. Afinal é feriado. Hora de trocar deliciosos ovos de chocolate com as pessoas queridas. Mas você sabe o que realmente significa Páscoa??

As origens do termo  
A Páscoa é uma das datas comemorativas mais importantes entre as culturas ocidentais. A origem desta comemoração remonta muitos séculos atrás. O termo “Páscoa” tem uma origem religiosa que vem do latim Pascae. Na Grécia Antiga, este termo também é encontrado como Paska. Porém sua origem mais remota é entre os hebreus, onde aparece o termo Pesach, cujo significado é PASSAGEM. 

Entre as civilizações antigas  
Historiadores encontraram informações que levam a concluir que uma festa de passagem era comemorada entre povos europeus há milhares de anos atrás. Principalmente na região do Mediterrâneo, algumas sociedades, entre elas a grega, festejavam a passagem do inverno para a primavera, durante o mês de março. Geralmente, esta festa era realizada na primeira lua cheia da época das flores. Entre os povos da antiguidade, o fim do inverno e o começo da primavera era de extrema importância, pois estava ligado a maiores chances de sobrevivência em função do rigoroso inverno que castigava a Europa, dificultando a produção de alimentos.

A Páscoa Judaica
Entre os judeus, esta data assume um significado muito importante, pois marca o êxodo deste povo do Egito, por volta de 1250 a.C, onde foram aprisionados pelos faraós durantes vários anos. Esta história encontra-se no Velho Testamento da Bíblia, no livro Êxodo. A Páscoa Judaica também está relacionada com a passagem dos hebreus pelo Mar Vermelho, onde liderados por Moisés, fugiram do Egito.
Nesta data, os judeus fazem e comem o matzá (pão sem fermento) para lembrar a rápida fuga do Egito, quando não sobrou tempo para fermentar o pão.  
               
A Páscoa entre os cristãos
Entre os primeiros cristãos, esta data celebrava a ressurreição de Jesus Cristo (quando, após a morte, sua alma voltou a se unir ao seu corpo). O festejo era realizado no domingo seguinte a lua cheia posterior ao início da Primavera (21 de março).
Entre os cristãos, a semana anterior à Páscoa é considerada como Semana Santa. Esta semana tem início no Domingo de Ramos que marca a entrada de Jesus na cidade de Jerusalém.    
Portanto diferente do que muitos pensam a páscoa tem sua data comemorada a muitos séculos e que não somente significa a ressurreição de Cristo mas sim que a Ressurreição de Cristo esta ligada a páscoa pois ela aconteceu na data que se comemora a Festa Pascal.

A História do coelhinho da Páscoa e os ovos  
A figura do coelho está simbolicamente relacionada à esta data comemorativa, pois este animal representa a fertilidade. O coelho se reproduz rapidamente e em grandes quantidades. Entre os povos da antiguidade, a fertilidade era sinônimo de preservação da espécie e melhores condições de vida, numa época onde o índice de mortalidade era altíssimo. No Egito Antigo, por exemplo, o coelho representava o nascimento e a esperança de novas vidas.
Mas o que a reprodução tem a ver com os significados religiosos da Páscoa? Tanto no significado judeu quanto no cristão, esta data relaciona-se com a esperança de uma vida nova. Já os ovos de Páscoa (de chocolate, enfeites, jóias), também estão neste contexto da fertilidade e da vida.
A figura do coelho da Páscoa foi trazido para a América pelos imigrantes alemães, entre o final do século XVII e início do XVIII.

Agora que já conhecemos um pouco mais sobre essa história, prepare-se para curtir essa data tão especial ao lado de todos os que você ama.

4 de abril de 2012

Meme Tagged Post



Recebi o meme da Sora do blog Meu Jardim de Livros! Esse meme é bem diferente ^^

Regras:

  • Escrever 11 coisas (aleatórias) sobre você no blog;
  • Responda as perguntas que a pessoa mandou para você e crie 11 novas perguntas para as pessoas que você indicar;
  • Escolha as próximas 11 pessoas para responder e as link no post;
  • Vá as páginas e avise quem você indicou;
  • Não volte o meme;
  • Você tem que postar as regras.

Vamos lá!
11 coisas aleatórias sobre mim:

  1. Falo muito mais do que deveria....sou uma faladora nata.
  2. Amo chocolate!!! Meu maior vicio junto com a  leitura.
  3. Adoro músicas sertaneja e MBP.
  4. Já fiz vários tipos de artesanato.
  5. Não sou uma pessoa muito paciente.
  6. Odeio esperar.
  7. Minha cor preferida é o azul.
  8. Tenho o péssimo hábito de roer unhas e brigo contra ele a vida toda.
  9. Minha comida preferida é lasanha.
  10. Adoro pimenta.
  11. Não gosto de gatos, pelo menos não perto de mim.

Perguntas da Sora

1-Quantos anos você tem? 
R: 35 aninhos bem vividos

2-Se pudesse viver em outra época ou lugar, qual seria?
R: Escócia na era medieval.

3-Qual sua sobremesa preferida?
R: Pudim de leite condensado

4-Quantos livros lê por mês?
R: Depende do mês. Entre 4 e 6

5-Quem é seu personagem preferido dos livros ou filmes?
R: Nossa!!! São tantos!!! Adoro as personagens femininas da série Familia Donovan e adoro os personagens masculinos da série De Burgh.

6-Gosta de comer quando vai ao cinema, o quê?
 R: Pipoca!!!

7-Qual cantor ou banda você chamaria para tocar na sua casa? 
R: Pergunta difícil....não sei dizer no momento.

8-Já realizou um sonho, qual?
R: Casar e ter dois filhos lindos e saudáveis!!!

9-Se fosse um animal, qual seria?
R: Seria um cavalo selvagem.

10-Qual escritor gostaria de encontrar?
R: Nicholas Saprks

11-Se pudesse mudar seu nome, qual nome teria?
R: Gosto tanto do meu nome...acho que não gostaria de mudar.

Minhas Perguntas 

1-   Qual foi seu livro preferido?
2-   Se tivesse que ser um personagem, qual seria?
3-   Qual sua profissão?
4-   Qual sua estação preferida no ano?
5-   Você é praia, cidade ou campo?
6-   O que mais te deixa perplexa nos dias de hoje?
7-   Com quem você mora?
8-   Qual seu maior sonho?
9-   Quem você levaria para uma ilha deserta?
10-Qual seu sabor preferido para sorvete?
11-Se pudesse escolher, sua vida seria romance, aventura ou suspense? 

Como a maioria dos blogs já participou deste meme, deixo aqui para todos aqueles que ainda não responderam. Vale a pena.


3 de abril de 2012

Resultado Promoção Shadowspell

Olá Pessoal!!!
Mais uma promoção chegou ao final e quero agradecer a todos que participaram fazendo desta mais uma promoção de sucesso!!
Vamos agora descobrir quem foi o sortudo entre os 1411 números válidos...


Parabéns Anna Karolina!!!!

Um e-mail foi enviado solicitando seus dados para envio do livro.
Lembrando que o livro será enviado pela editora num prazo de até 40 dias.

Obrigada novamente a todos os que participaram e continem aproveitando as promoções aqui no blog. Muitas surpresas estão chegando para vocês.


2 de abril de 2012

O Espião - Clive Cussler e Justin Scott


É 1908 e acumulam-se tensões internacionais enquanto o mundo caminha inexoravelmente para a guerra. Após um talentoso projetista de canhões de couraçados morrer em um aparente suicídio, sua filha, angustiada, recorre à lendária Agência Van Dorn para limpar o nome do pai. Van Dorn põe seu principal investigador no caso, Isaac Bell, que logo percebe que as pistas apontam não para suicídio, mas para assassinato. E quando se seguem outras mortes mais suspeitas, fica evidente que alguém — um ardiloso espião — está orquestrando a eliminação das mentes tecnológicas mais brilhantes... Mas isso é apenas o começo.

Queria poder dizer que adorei o livro, mas não foi o que aconteceu.
Adoro livros nesse estilo, suspense carregado de investigação e reviravoltas na trama. Porém acabei encontrando um livro cansativo e que em nada me cativou.

A narração sobre a construção dos navios de guerra e sobre todos os tipos de armamentos presentes nos mesmos foi para mim extremamente cansativo.

O agente Bell, investigador prinicipal do caso, era uma mistura de Bond com Indiana Jones e não conseguiu me convencer.

Apesar das diversas possibilidades para a identidade do "Espião":

-Três suspeitos diferentes - observou Marion. - Três nacionalidades diferentes... Uma ruiva supostamente irlandesa. Um japonês. E um alemão. pág. 138

Nós leitores somos informados logo no inicio de quem é "O Espião" e isso acabou tirando um pouco o encanto em minha opinião. Durante a leitura vamos apenas acompanhando as invetigações de Bell e tentando entender por que exatamente o tal espião está fazendo tudo aquilo.

Esperava muito mais da história e confesso que o final me deixou ainda mais frustrada. Em parte porque achei que algumas coisas não foram bem explicadas e em parte porque não gostei do final do nosso super invetisgador.

Essa é apenas a minha opinião. Portanto se você gosta desse tipo de livro, arrisque-se. Quem sabe o livro exerce uma magia diferente em você.